Análise Estrutural

Questões como “A estrutura resiste à força aplicada?”, “Após quantos ciclos de fadiga parte?”, “Qual é a temperatura?” vão passar a ser respondidas sem a necessidade de um teste experimental. Ao eliminar esta necessidade, o software ANSYS permite tanto uma poupança de tempo como de recursos, ao mesmo tempo que fornece informação de confiança.

Simulação Facilitada

O software de análise estrutural da ANSYS permite resolver problemas complexos de engenharia e tomar melhores decisões de projeto de forma célere.

Análise de Resistência

Se conseguirmos entender como um produto reage a uma certa carga mecânica ou térmica, então podemos melhorar a performance do produto e evitar falhas inesperadas. A resposta da estrutura pode ser avaliada em termos da deformação, tensões ou elongamento. O ANSYS Mechanical possui todas as ferramentas necessárias para garantir a viabilidade e segurança do produto.

Análise Topológica

A geometria ideal de um produto é muitas vezes orgânica e contraintuitiva. A tecnologia de otimização de topologia da ANSYS permite-lhe encontrar automaticamente esta geometria para as condições de forças e suportes a que o produto será sujeito durante o seu ciclo de vida. Esta ferramenta permite-lhe minimizar o tempo de análise e encontrar soluções inovadoras.

Análise Térmica

No mundo de hoje, as máquinas são levadas ao nível máximo de performance e rentabilidade, e os componentes elétricos são confinados a espaços cada vez mais reduzidos. Devido à exigência tecnológica de hoje em dia, a análise térmica tem ganho cada vez mais relevo. A ANSYS fornece um ambiente para simulações térmicas altamente precisas, que incluem cargas de convecção, condução e radiação.

Vibrações e Análise Modal

As vibrações podem ser um efeito colateral indesejado do design de produto ou do ambiente no qual este está a operar. Estas vibrações podem ter um grande impacto na fadiga do produto e consequentemente na sua vida útil. Com a determinação das frequências naturais e dos modos da estrutura, a simulação do modelo permite a compreensão da resposta da estrutura a vibrações provenientes de eventos como terramotos, transporte, cargas acústicas ou harmónicas.

Caso de Estudo

Driving Success of FÉMALK with ANSYS Engineering Simulation

Fadiga e Durabilidade

Com a ANSYS é possível entender como um produto se comporta ao longo do seu ciclo de vida, evitando por isso falhas inesperadas consequentes da fadiga do material. Este tipo de simulação é fundamental para a redução de custos de garantia e segurança do produto.

Impacto

O software estrutural da ANSYS permite o cálculo de forças entre dois ou mais corpos em colisão e a resultante deformação. A análise “Dinâmica Explícita” é geralmente usada para interações de alta velocidade ou contacto complexo; a análise de “Dinâmica de Corpo Rígido” é adequada para impactos com deformações pequenas.

Compósitos

Os compósitos têm propriedades como a leveza, a rigidez e a versatilidade, características que os tornam atraentes para muitos tipos de indústria. Devido às diversas camadas de um compósito, as simulações que envolvem este tipo de materiais são tão recompensadoras como desafiantes. O software estrutural da ANSYS fornece todas as ferramentas necessárias para a análise de elementos finitos de estruturas de compósitos.

Impressão 3D

A manufatura aditiva é um método de fabrico de peças complexas, em que estas são feitas camada a camada. A simulação de manufatura aditiva da ANSYS possibilita a otimização da peça para uma impressão 3D. Estas simulações determinam quaisquer tensões ou distorções potenciais no produto – possibilitando a sua correção antecipada – e preveem a microestrutura da peça com base no histórico térmico durante a fabricação. A ANSYS elimina o processo de tentativa-erro para que a peça possa ser fabricada com sucesso à primeira e com propriedades estruturais sólidas.

Estudo de Movimento

Simulações de movimento permitem uma análise rápida e precisa de um sistema de corpos rígidos ou flexíveis que se movem como um todo. Através desta análise, é possível prever o tipo de esforços a que um sistema de corpos está sujeito durante o sua ação e movimento.